“I” é o melhor disco erudito de 2005

Não podia deixar de registrar um evento importantíssimo da semana: meu querido amigo Paulo Inda recebeu o prêmio Açorianos de melhor disco erudito de 2005.

O prêmio deve-se ao seu excelente disco com o singelo título “I”, lançado este ano. O repertório é composto de peças de autores contemporâneos, dentre eles os mestres Celso Loureiro Chaves e Fernando Mattos.

PARABÉNS, VELHO! Tu mereces!

%d blogueiros gostam disto: